quarta-feira, 24 de maio de 2006

E D I T O R I A L

Há tempos pensava em mudar meu blog. Percebia que não tinha muita motivação para escrever, a não ser quando precisava desabar. Mas isso não é coisa que a gente faz e publica para o mundo. Inspirado pela pós-graduação em Jornalismo Literário, resolvi aproveitar a deixa para praticar algumas vezes por aqui. Para os mais chegados fiquem tranqüilos que histórias sobre mim não faltarão. Reflexões pessoais e inserções do eu são de primordial importância em JL – como carinhosamente o chamamos na especialização. Estou como um vulcão em erupção, pronto para jorrar textos. Abraços a todos. Conto com os retornos de vocês sempre que possível. Abaixo meus primeiros e inconscientes passos pelo JL.

5 comentários:

Erikita disse...

Nossa, que legal!! Até assustei quando entrei, pensei que tava no blog errado...rs. Vou adorar ler as coisas que vc escreve, amoooor! Tu sabe que vc é meu ídolo! Posso te pedir? Publica aquele texto que você fez sobre meu rosto...te amo! beijos!!!

Fellipe Fernandes disse...

afff... eu tb levei o maior susto! logo me perguntei: que que isso? depois eu já botei a culpa nos pop-ups...rsrs "essas drogas de pop-ups!!!!" e fechei a janela. Aí eu vi que eu tinha aberto o seu blog e ele não estava aberto. Eu pensei: como assim? será que o computador está dando tilte ou eu que já preciso ser internado? rsrsrs abri de novo. Aí eu vi a mudança... que chique você... logo imaginei vc na frente do computador no momento da concepção: olhar penetrante na tela, pensamento atordoado e o velho medo de ser manipulado. "Vc vai me servir pra alguma coisa e não eu vou depender de vc, blog!" humpf até imaginei vc sacando uma arma estilo western pro pc...rs Aí eu vi o primeiro texto: "Editorial"... que muleque chato! que pose de jornalista! rsrsrs mas aí li o debaixo (que já tinha lido...) e lembrei que era meu melhor amigo escrevendo com a precisão de sempre e o melodrama controlado (totalmente diferente de mim... oh! vida... ser ou não ser? kkkk) Foi aí que logo vi: Rodrigo me chamdou a atenção. Um blog útil, que serve para alguma coisa. Me influenciei e vou, em breve, inaugurar outro blog paralelo, pra eu tentar botar as coisas da especialização em texto, assim como o Sartorato tb já fez. Mas uma vez, lembrei: mesmo de longe, com a convivência decepada pela distância, o Rodrigo ainda tem muita influencia sobre mim (que buuuurrro! dá zero pra mim...rs) e me ensina muita coisa. Tô com saudade, velho! abraço.

Lorena Verli disse...

O quê que é isso aqui???????? Que lugar é esse???? Consciência, eu morri???!!!!! Irmãozão, você me surpreendeu... mudar tudo assim, sem avisar nada... Se lembra do que tia Silvana sempre falou para a gente? O leitor tem sempre que estar consciente das mudanças no veículo, mesmo que seja uma linha a mais na diagramação... kkkkkkk.... Que nem a Folha de São Paulo, que mudou essa semana e fez a maior propaganda na televisão!!!! Mas, de qualquer forma, adorei o seu novo blogger, estou morrendo de inveja da sua pós 9que eu queria fazer também) e amei mais ainda você ter publicado o seu texto da Abril, porque eu adorei ele... Foi bor poder reler... Estou morrendo de saudades... Quando eu chegar em Gyn, eu te ligo para a gente jogar conversa fora.... Bjão!!!!!!!

Luciano Henrique disse...

Rodrigo, arrasou no blog, ta show mesmo..até que enfim...Queria ter ido ver o filme aquele dia mas já tava quase dentro da Pecuária.. To com saudade de vc, depois a gente marca alguma coisa...flws ...abraços

Anônimo disse...

o que eu estava procurando, obrigado