segunda-feira, 4 de setembro de 2006

No Calor do Momento

Resolvi fazer uma experiência. Quem puder, participe. Agora são 23h26, há exatos 40 minutos terminei de assistir a um filme no Goiânia Shopping. A Dama na Água, escrito, produzido e dirigido por M. Night Shyamalan. Geralmente espero algumas horas para digerir e opinar. Foi bom ou ruim?

Entretanto, resolvi escrever sobre ele agora, extasiado diante de reflexões. É bom ressaltar que já estive diante de algumas opiniões breves. Hebert e eu saímos dizendo que teria sido melhor assistir a Miami Vice, pois A Dama... é filme de Sessão da Tarde. Ana Carolina disse que foi melhor ver este, já o que o outro é "enlatado americano". Meu irmão Marllus gostou. "Os caras ficam reclamando, mas achei muito bom. Melhor que A Vila", me disse. Eduardo Sartorato não pôde comentar o filme por falta de tempo.

O negócio é o seguinte: o filme mexeu comigo. Estou encantado. Desta vez não há suspense a ser desvendado com em A Vila ou Sexto Sentido. A história é um absurdo. É tão bobinha que você custaria acreditar nela. Mas é bem armada e te levar a entrar no enredo. Nisto o cara é bom.
Um pensamento enunciado por uma das personagens reverbera em mim. "As pessoas acham que estão sozinhas, mas não estão. Um simples ato seu mexe com a vida de todo mundo". Me ganhou. Adoro ir no cinema e pensar na vida, durante poucas horas que fico no escurinho. No mundo, somente eu e a tela. Adoro mais ainda quando o filme me instiga, mesmo bobinho.

Pensamentos martelam dentro de mim. Será que se eu tivesse tomado uma atitude qualquer diferente em qualquer momento da vida, estaria aqui hoje? Será que as pessoas que conheço seriam as mesmas, se eu tivesse andado para o lado oposto ao que andei, qualquer dia desses? Essas idéias devem pipocar na minha cabeça até eu dormir. Contudo, sumirão. Sou assim, fogo de palha. Amanhã volto ao normal e deixarei de fazer filosofia barata.

Resumo da ópera: até agora gostei muito do filme. Um bonito conto de fadas. Minha experiência consiste em saber se mudarei de opinião nos próximos dias. Volto a escrever neste espaço sobre isso e trago o resultado. Prometo ser sincero. Se você assistir ao filme neste intervalo, ou mesmo depois, dê seu depoimento também. Agora, deixa eu ir. Posso ficar muito tentado a editar e modificar a opinião.

P.S. – Não deixe de ler e comentar a história abaixo. Obrigado.

12 comentários:

Ana Carolina disse...

Não chorei no cinema, mas o filme bobinho, mexeu muito comigo.

Um belo conto de Fada. Aliás, adoro conto de fadas, por isso sou suspeita em comentar sobre eles.

Escolhas... Futuro... Quando vem a pergunta. Você quer saber como será o seu futuro?

Você conhecerá dois dos 7 filhos de sua irmã, seu livro instigará um menino que será lider dessa nação.

Futuro???

Did disse...

Eu não sei muito bem o que dizer pq não vi o filme ainda, mas sei exatamente que quando sou partidária eu não dou o braço a torcer facilmente. Como sou fã do Shaymalan e adorei "A Vila" eu acredito que eu vá gostar muito desse filme! Vamos ver... sua opinião foi a primeira que vi que vê o filme de forma positiva..o resto tudo só detona!
Bjao
Did

Erika disse...

Nossa, já pensei tanto nessa questão das minhas escolhas. Isso me lembra aquele filme que assistimos "A felicidade não se compra". Já pensou se eu não tivesse ido morar com minha vó? Provavelmente eu não teria sido sua amiga. A gente não estaria namorando... E assim suuuucessivamente...rs. Mas pára de me passar inveja com esses filmes que não vejo...Ainda mais que vc vai ver com tooodos os nossos amigos, enquanto eu fico aqui olhando pras paredes...rs.
Te amo! Beijos!

Hebert Regis disse...

O filme é legalzinho. O diretor sempre coloca as lições de morais nas histórias mais absurdas. Talvez por isto funcione. Saímos do cinema achando algo mais do que o conto de fadas. Mas ei ainda quero assistir Miami Vice. eheheeh. Abraços.
PS; Kra, depois eu comento o seu texto de baixo. Voiu lê-lo novamente. Espere a crítica. Brincadeiras!

Fellipe Fernandes disse...

Não vi... estou preso aqui na roça! quem sabe, daqui uns cinquenta anos, ele não seja exibido aqui na praça da matriz? Abração, miguim! saudade dos tempos em que eu ia ao cinema...

Lorena Verli disse...

Pq não me esperou??? Estou sentida, magoada, fazendo beicinho!!!!! Snif...
Agora, falando sério, não devia ter lido seu texto. Quero ver o filme e agora fiquei entre o bom e o péssimo. Odeio isso... Té manhana... Bjão!!!

Mitye disse...

Contos de fada servem pra isso certo? Pra gente "pensar na vida", com as lições de moral..ou coisa parecida..
Afinal, quando vc for contar uma historinha pro seu filho dormir, vai querer algo do tipo "o senhor dos anéis"? Não né? Melhor colocar o dvd pra ele ver depois...kkkk
nossa, viajei agora! mas é q, como a Did, eu adoro o Shyamalan, e estou encantada com este filme desde quando vi o primeiro cartaz...ainda não vi por falta de tempo, mas sua crítica foi uma das melhores que li até agora (mesmo pq não se juntam às outras pra achincalhar o Shyamalan e se ligar apenas no lance "sem explicação" do filme).
No mais, eu adoro filmes bobinhos, despretenciosos. Sâo eles que realmente nos fazem pensar nas coisas que importam.
Abraços!

Rainer disse...

Ah! Esse filme é bom pra c******!!!

Creio que a crítica de cinema não se conforma com as infinitas habilidades do Sr. Shayamalers. O cara faz muito bem o que se propõe a fazer. Genial !

Como você (ou eu) faríamos um conto de fadas para adultos capaz de chamar a atenção de uma forma inusitada?!

Pra finalizar, vou dar um piti semelhante ao da Lorena quando falaram que Harry Potter é leitura de segunda....QUAAAAL É O PROBLEMA NOS FILMES DA SESSÃÃÃÃO DA TARDEEEEEE?!!?!

AIUAHIAUAH

maria cristina disse...

Não vi o filme. Mas depois da lição que você tirou dele fiquei com vontade de ver... Essa semana mesmo fiz uma "big" análise de atitudes (profissionais) que poderiam ter mudado o rumo, pra pior ou pra melhor... No fundo eu acredito que tomamos as decisões que serão melhores pra nós, nem que seja para aprender uma lição. Bjos

mandygonzo2931146220 disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
::. marina dutra disse...

ainda nao vi o filmee...=/
mas deu vontade...
dps vou te add no meu link ok??

Fellipe Fernandes disse...

desistiu do blog?