segunda-feira, 13 de junho de 2005

Um Post para constar

Olá, queridos visitantes! Passei por aqui porque achei que era demais deixar mais uma semana entrar sem eu postar alguma coisa. Para quem tem mais contato comigo a novidade que vou contar nem é novidade assim, mas para quem não vejo com freqüência lá vai: enfim saiu meu bendito estágio. Friozinho na barriga de praxe, devo começar nesta semana, no mais tardar na próxima. Espero que o novo fato seja um divisor de águas na minha vida neste ano.

Em relação ao FICA, acho que nem é mais prático postar algo, porque todo mundo já andou contando as histórias mais interessantes pelos outros blogs da vida. Só posso dizer que foi bom. Nem ruim nem ótimo, só bom. Dentro da média e da expectativa.

Quanto às rapidinhas devo publicar novas em breve. Só esclareço uma coisinha: não pretendo roubar o lugar de ninguém, nem da Sônia Abrão, nem Leão Lobo, nem Jarbas e adjacências... O negócio é que as rapidinhas precisam de conteúdo e uma boa apuração, afinal nada que está lá (de notícia, frise-se) é mentira. Tirando as opiniões, que são pessoais, claro.

Neste fim de semana fui ver papai e mamãe, além dos irmãos. Aliás, para quem ainda não sabe logo deixarei de ser um homem só. Calma, não vou me casar. É que meu irmão vai se transferir de Diamantina – MG para Goiânia – GO e vem morar comigo.

Nas últimas horas da minha existência relaxei e retomei meus pensamentos de que tenho que deixar de lado um pouco da minha "crise existencial", como diz a Erika. Afinal, tenho que dar um jeito de sair da letargia que me acometeu nas últimas semanas.

Parabéns a todos os namorados que passaram felizes por este domingo. Pela primeira vez em minha curta vidinha tive vontade de passar o tal dia inventado pelo comércio juntinho de alguém... Ah, fazer o quê? O que vier pra mim, no momento, é lucro.

A minha música dos últimos dias vem do Pato Fu: "As brigas que ganhei, nem um troféu como lembrança pra casa eu levei. As brigas que perdi, estas sim, eu nunca esqueci, eu nunca esqueci." Ai, ai, vida nova e cheia de triunfos, venha logo!!

8 comentários:

Eduardo Sartorato disse...

Legal seu post, Rodrigo!! Demora, mas quando vem arrebenta, ehehehehehe!! Admiro sua coragem de postar certas coisas. Eu acho que venho passando por uma crise existencial semelhante!! Mas ainda não estou na fase do que vier é lucro. Muito pelo contrário. Se bem que do meu modo é muito mais doloroso, pode ter certeza, ehehehehehehe.

abração, véio!!

Fellipe Fernandes disse...

Apesar do final dramático (porém sincero, deixo esclarecido), senti que você está mais pra cima, Rodrigones! sem o velho mau humor de sempre. Aliás, reforço o que eu te disse outro dia: vamos aproveitar as risadas, os momentos...estamos em fase que nos exigirá muito jogo de cintura para levarmos as boas e verdadeiras amizades para frente, não é?
Ah! outra coisa: não grila da gente te chamar de Jarbas. a gente sabe que você não quer ocupar o lugar dele, mas é que fica engraçado o seu giro pelos nossos ambientes!
Outra coisa: apesar de uma pontadinha de inveja, estou muito feliz com a sua entrada no O Popular. Eu sei que sou uma pessoa nada modesta, então lá vai: depois de mim, você é uma das poucas pessoas que eu vejo como merecedor daquela vaga. Isso é sincero, opinião que vem do coração. Toda sorte do mundo pra você, amigo! espero que este estágio lhe traga, além de bom aprendizado, pelo menos uma indicação das atitudes que você tem que tomar para encontrar sua felicidade. E não se esqueça jamais: conta com este amigo aqui pro que der e vier.
Abraço.

maria cristina disse...

Oi Rodrigo!!! Ei, td de bom e ótima sorte no seu novo estágio!!! Q delícia hein?! Em breve Coluna Giro com novo autor, hahahaha!!! boa sorte p vc e p meu benzinho tb ne que vai ser seu "vizinho de estágio" rsrsrs!! bjão!!

Ana disse...

Parabéns Rodrigo que você possa ser muito feliz lá no O Popular e que os seu aprendizado naquela redação seja verdadeiro. Que vc não se contamine pelo pragmatismo de alguns poucos jornalistas que odeiam suas escolhas.
Se por um acaso essas pessoas "legais" cruzarem seu caminho entenderá cada uma de minhas palavras.
Mas que os bons e grandes jornalistas possam passar no seu caminho e deixar em vc as marcas deles, de otimismo, qualidade,tradição e alegria que possuem com essa nossa profissão que definitivamente é para aqueles que nasceram com aquela tal VOCAÇÃO!!!
bjos

Erikita disse...

E aí, Rodrigo!!! Já que tá todo mundo fazendo isso, tb vou te desejar parabéns pelo estágio. Demorou, mas vc conseguiu! Isso é uma prova de que vale mesmo a pena esperar e segurar a ansiedade, né não? Diga a seu irmãozinho que já estamos esperando ele ansiosamente e que é para ele trazer a viola!!!!Beijinhos da irritadinha do seu coração!

Hebert disse...

Fazendo o coro: Parabéns pelo estágio Rodrigo. Desejo muitas felicidades no "O Popular". Se o Jarbas soubesse que a sua coluna faz tanto sucesso, ficaria até com medo.... eheheheheheh
Espero que se acostume logo. No início é meio complicado, mas depois melhora, blz? felicidades. Abraços.

Erikita disse...

Oi, amigão!! Entrei aqui só pra agradecer pelo carinho no meu aniversário, pelo presente lindo que ganhei, pela sua amizade, por vc ter me proporcionado tantos momentos felizes na minha vida! te adoro demais da conta!!!!!! beijitos!

Did disse...

ihhhh...
parabens! tomara q esse estágio renda bons frutos, te tire da letargia, te acalme os nervos (se bem q, desculpe a sinceridade, eu duvido muito!) e te deixe mais relaxado em relaçao a essa crise existencial..
liga nao.. todo mundo tem, mas soh corajosos como vc, nos seus belos posts, admitem isso!
Bjao
Did